Duarte Guedes, Hertz Portugal – “Carsharing é rent-a-car”

Texto: Carlos Moura / Fotografia: Carlos Pedrosa
Data: 22 Maio, 2018

A fronteira entre rent-a-car e carsharing é difícil de identificar, afirma Duarte Guedes, administrador da Hipogest, a propósito da nova legislação que regulamenta a atividade de aluguer de veículos. “Para nós é tudo rent-a-car”, refere o responsável máximo da Hertz em Portugal.

O incentivo à experimentação do conceito de carsharing “é positivo”, defende Duarte Guedes, administrador do Grupo Hipogest, a propósito do novo regulamento para a atividade do rent-a-car, que prevê a desmaterialização dos procedimentos para aluguer de veículos e também tipificou o conceito de carsharing. “O Governo conhece este dossiê”, refere o responsável da Hertz Portugal, em entrevista que será publicada na próxima edição da Turbo Frotas. “O secretário de Estado Adjunto e do Ambiente tem feito investidas importantes nesta área e corajosas. Além disso, também conhece o setor. Por outro lado, a secretária de Estado do Turismo também é uma interlocutora que conhece o assunto”, acrescenta, adiantando que é “importante o fomento” do carsharing. “Nesta ótica das grandes cidades em que o aluguer substitui a posse, o carsharing vem de encontro aquilo que fazemos há cem anos”, afirma, considerando positivos os incentivos à utilização do rent-a-car.

Relativamente à tipificação do conceito de carsharing, que se passa a alugueres com uma duração até 12 horas ou deslocações até 100 quilómetros”, Duarte Guedes considera que “é difícil perceber” a fronteira entre rent-a-car e carsharing. “Para nós, é tudo rent-a-car. Somos especialistas no aluguer de curto prazo. Já hoje alugamos ao minuto, à hora, ao dia, à semana, ao mês. O carsharing não é mais do que um rent-a-car 2.0, mas continua a ser um rent-a-car! Quando temos a fiscalidade automóvel, o IVA, fica difícil dizer que uma coisa é rent-a-car e a outra é carharing. A polémica vai por aí. Como vamos tratar isto? Se alugar o carro por menos de x horas é carsharing? Mas tem de estar na plataforma de carsharing? Porque não é considerado um aluguer? A empresa que faz é a mesma”, refere o entrevistado.

A entrevista completa ao administrador da Hipogest poderá ser lida na próxima edição da Turbo Frotas.

Partilhar